Atlético faz filial do Cruzeiro na Cidade do Galo

Kalil apresentou o novo diretor de futebol Eduardo Maluf

O Atlético está mesmo disposto a formar um grande time de força nacional e internacional e se mira no exemplo do Cruzeiro que  foi campeão da tríplice coroa em 2003, na última  participação importante de um clube de Belo Horizonte no chamado cenário brasileiro e internacional no  futebol profissional. Depois de trazer Wanderlei Luxemburgo para ser o treinador, o presidente Alexandre Kalil faz uma jogada ousada no futebol mineiro e agita a tradicional rivalidade dos dois clubes belo horizontinos contratando o dirigente Eduardo Maluf. Competente e reconhecido internacionalmente, Maluf havia deixado o arquiinimigo depois da perda do Campeonato Mineiro e da Copa Libertadores da América. Impressionante, torcida alvinegra da Colina de Lourdes e cruzeirense do Barro Preto…

O presidente Alexandre Kalil anunciou nesta quarta-feira (23) a contratação de Eduardo Maluf para o cargo de Diretor de Futebol do Atlético confirmando o interesse que ele mesmo havia manifestado e as especulações que surgiram assim que  Maluf saiu do Cruzeiro depois do afastamento de Adílson Batista e a contratação do técnico Cuca para o Campeonato Brasileiro. O  dirigente deixou o rival Cruzeiro no final de maio e firmou contrato com o clube nesta quarta-feira, onde já havia trabalhado anteriormente, até dezembro de 2011.

Para Kalli, Maluf é “homem sério e vai dedicar tempo integral ao clube e trabalhará na Cidade do Galo ao lado de Vanderlei Luxemburgo”.  Explicou ainda o presidente atleticano que  desde novembro de 2008, quando assumiu a Presidência do Atlético, fazia questão da presença de dois profissionais ao meu lado, Adriana Branco, que tem desempenhado importante papel na Diretoria Executiva e Eduardo Maluf, que foi convidado, mas, na ocasião, não pode aceitar por estar justamente no Cruzeiro, justificou Alexandre Kalil em nota oficial.

Até a contratação de Maluf nesta quarta-feira, o Atlético não tinha o cargo de diretor de futebol. As funções eram divididas entre Alexandre Kalil, a diretora-executiva Adriana Branco e os técnicos que dirigiram a equipe na gestão do presidente – Celso Roth, em 2009, e Vanderlei Luxemburgo, que comanda o time desde o início de 2010.

Desde que deixou o Cruzeiro,  Maluf disse que recebeu propostas do Palmeiras, Flamengo, Fluminense, Internacional e Corinthians. E que preferiu ficar em Belo Horizonte, onde trabalhou por 11 anos no Cruzeiro e acertou a sua volta ao Atlético, onde foi diretor de futebol em 2000. Eduardo Maluf foi ainda presidente do Valério, de Itabira, e também trabalha como consultor do Soccer BR1, fundo de investimento ligado ao Banco BMG.

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s