Brasil x Chile pelo caminho das quartas de final

Luís Fabiano é a esperança de gol contra o Chile

Brasil x Chile, o clássico do futebol sul-americano, repete hoje a disputa da Copa de 2008, na França, quando se enfrentaram em Paris e o time verde-amarelo venceu de 4 a 1 com gols César Sampaio(2), Ronaldo Fenômeno (2), contra  um de Marcelo Salas. Naquela partida há 12 anos pela Copa da França, no dia 27 de junho de 1998, no Estádio Park de Principes, Dunga estava em campo com a camisa amarela do time brasileiro e agora vai comandar a Seleção Brasileira na África.

Agora, a repetição das oitavas de final de 12 anos atrás, será  às 15h30, desta segunda-feira, dia 28 de junho, em Joanesburgo, no Estádio Ellis Park.

Também nesta segunda-feira, dia 28, jogam Holanda e Eslováquia, às 11 horas, em Durban, na abertura do terceiro  dia das oitavas de final de 2010. Já na terça-feira,  dia 29 de junho, jogam Japão x Paraguai, no Estádio Lolftus Versfield, e Portugal x Espanha, no clássico da Península Ibérica, no Estádio Green Point, às 15h30, fechando as oitavas de final da Copa da África de 2010.

No confronto decisivo de brasileiros e chilenos na África do Sul, o juiz será um europeu, o inglês Howard Webb, que não tem boa fama e foi ele que apitou Brasil e Egito na Copa das Confederações do ano passado também na África. Naquela partida houve muita polêmica. Ele favoreceu os brasileiros e marcou o pênalti que valeu a vitória do Brasil por 4 a 3 mesmo sendo alertado  por mão de Al Hadari. Um assistente acenou avisando a infração e teria avisado, mas existe até hoje a suspeita de que a confirmação do pênalti veio pela imagem da TV que ficava ao lado do quarto árbitro, contrariando as normas internacionais em vigor até hoje.

Até agora, na África’2010,  Webb apitou Suíça 1 x 0 Espanha, na primeira rodada do grupo H e Itália 2 x 3 Eslováquia, pela terceira rodada do grupo F, que resultou na eliminação da Itália da Copa da África. É daqueles juízes de risco e que podem interferir no resultado de brasileiros e chilenos.

Já os técnicos Dunga e Marcelo Bielsa, argentino que comanda o Chile, não confirmaram ainda as escalações para a decisão desta segunda-feira.  Dunga  voltou a fechar o treino para a imprensa neste domingo (27), na Escola Hoerskool Randburg, em Joanesburgo. Ele manteve o suspense sobre o time, mas pelo que foi visto pelos repórteres, a dúvida é Felipe Melo, que voltou a sentir. Por outro lado, o Brasil conta com o retorno de Robinho, Kaká e Elano, que se recuperaram de contusão.  Só na hora do jogo será possível ver se Dunga deverá mesmo escalar o time da estréia no mundial.

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s