Operação de Kaká mostra drama na Seleção Brasileira

Operação no joelho de Kaká gera polêmica

A Seleção Brasileira será formada novamente neste final de semana e vai mostrar grandes mudanças já no jogo desta -terça-feira, dia 10 de agosto, contra os Estados Unidos em New Jersey na terra de Tio Sam. Do técnico Mano Menezes, ex-Corinthians, que substitui  Dunga e seus anõezinhos, eliminados pela Holanda na derrota de 2 a 1, de virada, na África do Sul, até os 23 jogadores convocados para a nova fase  ou a Era Mano, há grandes surpresas.

Mas nada capaz de sacudir as mídias, brasileira e mundial, os torcedores, dirigentes e demais interessados, que a operação do atacante Kaká, do Real Madrid,  que está provocando um bate-boca entre os envolvidos já que  o médico belga Marc Martens, que o operou no joelho esquerdo, declarou que o craque brasileiro estava machucado há tempos e que a contusão no joelho era muito grave e ele poderia ter parado de jogar se não tivesse feito a correção agora e tudo ter dado certo.

“Eu sentia dores no joelho desde a temporada passada, antes mesmo de jogar a Copa da África, mas não sabia que era grave. É um momento triste, mas vou trabalhar para voltar” disse Kaká ao jornal esportivo espanhol “Marca”,  deixando muita gente dentro e fora da CBF e da Comissão Técnica da Era Dunga II em situação complicada. Mais interessante e que fez crescer a discussão sobre o real estado de Kaká e que vai render muito mais ainda, foi que um dia após a artroscopia do atacante brasileiro e do Real Madri,   o médico belga Martens deu declaração  ao tablóide esportivo “Marca” dizendo que “os médicos sabiam que ele tinha essa dor. Todos sabiam, mas pensamos que era a pubalgia” e completando que “ele (Kaká) poderia ter encerrado sua carreira, porque é uma lesão muito grave. Poderia ter sido destruído, mas felizmente operou no momento certo e tudo saiu ótimo” completou  Martens.

Já o médico da seleção brasileira, José Luiz Runco, desmentiu, depois da operação e da entrevista polêmica do  especialista belga. Segundo ele, Kaká realmente atuou sem condições físicas ideais na Copa da África, mas a lesão no joelho esquerdo não tinha tanta gravidade. O médico do Flamengo e da CBF disse que só na fase decisiva da Copa para o Brasil, Kaká queixou dores no joelho além da pubalgia que tem há algum tempo e o afastou de jogos e treinos antes da Copa Africana.

Ao deixar o hospital na Bélgica, nesta sexta-feira,  Kaká disse: “Como estava em tratamento por causa da pubalgia, pensamos que era isso e poderia ter um desequilíbrio muscular. Os médicos sabiam que eu tinha essa dor. Todos sabiam, mas pensamos que era a pubalgia” contou Kaká, que estava acompanhado da mulher Caroline Celico e do seu pai. Ele  disse que só descobriu o problema maior do joelho, embora já sentisse dores anteriormente, ao se reapresentar ao Real Madrid e citou o apoio do técnico Jose Mourinho. “Quando terminou a Copa, pensei que a dor era da pubalgia e que podia me recuperar nas férias. Mourinho tem sido muito especial comigo, carinhoso e disse que quer que eu volte 100%. Por isso, estou muito feliz” encerrou o craque da Seleção Brasileira que, como outro grandes nomes, fracassou na Copa de 2010.

No jornal “Marca” da Espanha e para agências de notícias, o médico que operou Kaká na quinta-feira e o liberou para a voltar a Madrid dizendo que artroscopia no joelho machucado foi o sucesso, disse que ele correu risco de não mais jogar, enquanto  o médico da CBF, José Luiz  Runco, disse que ele não agiu com ética e deve ter se empolgado por tratar de um jogador tão importante e famoso como Kaká.

A  nova contusão do atacante brasileiro levantou dúvidas sobre as condições dele nos últimos tempos, que teria disputado a Copa do Mundo no limite, se prejudicando e também à Seleção Brasileira.

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s