Atlético e Cruzeiro contra força paulistana

Sem Tardelli e Diego Souza, Obina volta a ser a esperança de gols

O primeiro domingo de setembro de 2010, dia 5, vai ter dois clássicos entre mineiros e paulistas, muito importantes e atraentes quando existia a rivalidade café-com-leite entre belo-horizontinos e paulistanos, e hoje meia-bomba pela queda, inacreditável, de qualidade, da falta de craques e de grandes formações de  Atlético e São Paulo ou Palmeiras x Cruzeiro. São jogos decisivos para os quatro velhos rivais e que vão mexer com as torcidas de BH e Sampa. Vale à pena ficar atento e ver as transmissões diretas do Ipatingão ou do Pacaembu. Os vencedores, se é que vamos ter, certamente ficam em posição melhor e vão crescer mais, mudando o rumo da disputa nacional que agora está dividida  entre Fluminense e Corinthians.

O destaque maior para a torcida mineira será o jogo entre Atlético x São Paulo, no Ipatingão, no Vale do Aço. O Galo Carijó deu novo alento à sua fanática torcida com a vitória  de 3 a 1 em cima do Goiás Esporte, no Serra dourada, no meio da semana e luta para sair da incomoda e triste posição de seguir na zona de rebaixamento. Vai ter mais de 10 mil torcedores – como a diretoria manteve o ingresso por preço baixo, a lotação estabelecida pela turma do doutor-não-gosta-o-doutor-não-quer  foi esgotada rapidamente, embora o estádio do Ipatinga tenha capacidade real para mais de 20 mil presentes.

Já o Cruzeiro enfrenta o Verdão do Parque Antártica no Pacaembu e  tenta, se ganhar, entrar na turma do G-4, dependendo dos resultados dos atuais quatro primeiros colocados. São duas metas diferentes, mas ambas de importância para os clubes belo-horizontinos. O time azul brigando para entrar na turma da Libertadores da América para valer e o Galo fugindo dos times ameaçados de cair para a Segunda Divisão, mais uma vez.

Em Ipatinga, Luxemburgo deve manter a base do time que venceu os goianos de virada  e terá desfalques do artilheiro Diego Tardelli e do meia Diego Souza, que levou terceiro cartão e fica de fora, e deve voltar Neto Berola, que ficou de fora em Goiânia por estar suspenso. A principal atração atleticana será novamente Obina, que voltou ao comando do ataque e fez dois gols, ambos de pênalti, em Goiás. Força Minas e que  Atlético e Cruzeiro voltem mais fortes de Ipatinga e de São Paulo. A torcida mineira merece…

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s