Inter vence e empata disputa mundial

 

Campeã!

Sem dar chance para a zebra, o Inter de Milão dos brasileiros Julio Cesar, Lucio, Thiago Motta e Maicon venceu os africanos  do Manzembe do Congo por 3 a 0 – gols de Pandev, Eto’o e Biabiany -, e conquistou o título mundial de clubes  neste sábado, em Abu Dhabi. Este é o terceiro título mundial do Inter, que foi campeão em 1964 e 1965.

Com total domínio sobre o rival africano e posse de bola, o campeão europeu, que não tinha italiano algum em campo, buscou a confirmação da conquista  e evitou a zebra África que tinha apoio de torcedores do mundo inteiro e até FIFA. Sem o craque Sjneider,  machucado, o camaronês Samuel Eto’o decidiu a conquista dos italianos.

O atacante serviu Pandev, que tirou do irreverente Kidiaba da jogadas e fez 1 a 0 para o Inter de Milão. Se já estava fácil para o time italiano, que era superior na decisão, o gol praticamente definiu o tri mundial italiano. Quatro minutos mais tarde, Eto’o deixou sua marca. Após  jogada coletiva,, o camisa 9, de fora da área, ampliou a vantagem do time italiano. Na comemoração, o craque africano fez uma estranha dança com duas sacolas plásticas.

Nem mesmo o apoio maciço da torcida – incluindo milhares de colorados do Inter de Porto Alegre que venceram o time coreano e ficaram com o terceiro lugar – foi suficiente para que o time africano enfrentasse a Inter e ganhar o primeiro título mundial.

Como era  previsto, com 2 a 0 para os italianos, o Mazembe voltou  para o segundo tempo indo para o ataque  desesperadamente.A defesa do campeão italiano suportou a reação dos africanmos e acabou confirmando a vitória e o título mundial. Aos 39 minutos do segundo tempo, o francês Biabiany recebeu  passe de Stankovic, tirou de Kidiaba e comemorou o título para o Inter de Milão pela terceira vez.

INTERNAZIONALE 3 x 0 MAZEMBE

No Estádio Zayed Sports City, em Abu Dhabi (EAU), dia 18/12/2010

Juiz: Yuichi Nishimura (JPN); Bandeiras: Toru Sagara (JPN) e Toshiyuki Nagi (JPN)

Gols: Pandev,  Eto’o,e Biabiany.

INTER: Julio César, Maicon, Córdoba, Lúcio e Zanetti; Thiago Motta (Mariga,), Cambiasso, Chivu (Stankovic) e Pandev, Milito (Biabiany) e Eto’o. Técnico: Rafa Benítez.

MAZEMBE: Muteba Kidiaba; Joel Kimwaki, Kiritcho Kasusula, Miala Nkulukuta, Amia Ekanga; Kazembe Mihayo, Mbenza Bedi, Dioko Kaluyituka (Ndoga), Ngandu Kasongo (Kanda); Given Singuluma e Mulota Kabangu.Técnico: Lamine N’Diaye.

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s