Mano Menezes contra tabu da França

 

Pato é a esperança de gols do Brasil

Uma escrita de quase 20 anos ameaça o técnico Mano Menezes e a Seleção Brasileira  na primeira partida de 2011, justamente no Stade de France, onde os franceses aplicaram uma goleada e acabaram com o sonho da conquista do pentacampeonato na Copa da França, em 2008. Sem Ronaldo 100%, já que teve uma convulsão na manhã de domingo antes da decisão do mundial’98, o time brasileiro foi liquidado pelo Zidane e seus companheiros e frustrou a torcida brasileira que se preparava para comemorar mais um título mundial e viu a França ser campeão com técnica, talento e garra, enquanto o time brasileiro de Zagallo fracassava em mais uma final. Nesta quarta-feira, dia 10 de fevereiro de 2010, os brasileiro terão a chance de devolver a derrota de 98 e acabar com o tabu de 19 anos sem vitórias sobre os franceses.

A Seleção Brasileira está treinando desde  segunda-feira  na capital francesa e deverá ter como maior novidade do time de Mano Menezes  a  escalação do meia Renato Augusto entre os titulares. O jogador do Bayer Leverkusen foi convocado pela primeira vez para defender o Brasil e  fica com a vaga de  Ramires  que ainda não se recuperou contusão sofrida domingo no Chelsea (derrota por 1 a 0 para o Liverpool) e foi poupado dos treinos em Paris. A Seleção de Mano Menezes deverá começar a temporada contra a França com Júlio César, Daniel Alves, David Luis, Thiago Silva e André Santos; Lucas, Elias, Hernanes e Renato Augusto; Robinho e Pato.

Um dos destaques do Inter de Milão na vitória por 5 a 3 sobre o Roma, pelo Campeonato Italiano,  Júlio César comemorou seu retorno à seleção e parecia um novato na volta ao time brasileiro.” Digamos que seja um recomeço, estou muito feliz. A idéia é manter uma regularidade no meu clube e continuar sendo convocado” – disse o goleiro.

Enquanto a Seleção Brasileira principal busca vencer a França vingando a derrota de 1998 e a desclassificação na Copa da Alemanha em 2006, o time sub-20 da CBF  tenta se recuperar da derrota para a

Argentina e brigar por uma das vagas de para os Jogos Olímpicos de 2012, na Inglaterra, contra o Equador e Uruguai. Mesmo com a derrota, o Brasil depende apenas de seus próprios resultados para conquistar o Sul-Americano Sub-20. O próximo adversário será o Equador e, por último, o Uruguai, adversário direto na luta pelo título.Os uruguaios lideram o hexagonal final com 7 pontos. O Brasil está atrás com seis, mesmo número da Argentina, mas tem vantagem por conta do saldo de gols.  A tabela marca para esta quarta-feira, dia 10/2: Brasil x Equador (0h10min) e 12/2: Brasil x Uruguai ( horário a  definir). O técnico brasileiro não terá a zaga titular e ainda o maior desfalque contra os equatorianos, o artilheiro Neymar, suspenso por levar segundo cartão amarelo contra os argentinos.

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s