Uruguai finalista da Copa América’2011

O Uruguai é agora favorito para a conquista do 15.º título da Copa América e se tornar o maior campeão da história da competição, à frente da Argentina, que soma 14  e foi eliminada nas quartas de finais-  e do Brasil tem 8 conquistas continentais. Nesta terça-feira (dia 19), a Celeste Olímpica derrotou o Peru por 2 a 0, no Estádio Ciudad de La Plata, em La Plata, na Argentina e nesta quarta-feira aguarda o adversário na final de domingo (dia 24), que sairá do jogo entre Paraguai e Venezuela, em Mendonza.

Para ser finalista, a seleção do Uruguai mudou seu jeito de jogar e contra o Peru, foi o time do técnico Tabárez foi para o ataque e acabou vencendo com dois gols de Suárez. Para não ser surpreendido pelo Peru, o Uruguai, diferentemente de contra a Argentina nas quartas de final, começou jogando e marcando no campo de ataque, procurando forçar o erro dos peruanos. Suárez, o mais avançado jogador da seleção celeste, pressionava até a reposição de bola do goleiro Fernández. Mesmo ofensivo, o Uruguai não fez gol no primeiro tempo com o Peru resistindo bem as investidas de Forlán e Suárez.

No segundo tempo, o jogo seguiu com os uruguaios atacando e o peruanos defendendo com aplicação e raça. Mas a dupla de talentos uruguaios apareceu para definir o jogo e classificação para a final da Copa América. Aos 7 minutos, Forlán chutou de fora da área, Fernández rebateu e a bola sobrou para Suárez fazer o primeiro gol.

A partir daí, a seleção peruana teve que partir para o ataque. Foi aí que o jogo ficou todo para o Uruguai, que não desperdiçou e matou a classificação logo em seguida. Aos 12 minutos, Suárez se aproveitou de uma falha da zaga peruana e ficou sozinho na frente do goleiro. Ele driblou Fernández e fez 2 a 0 para o Uruguai ir para a final.

Eis a ficha técnica da vitória dos uruguaios sobre os peruanos:

Peru 0 x 2 Uruguai

No Estádio Ciudad de La Plata, em La Plata (Argentina)

Peru – Valverde; Rodríguez, Acasiete, Vilchez e Carmona; Advíncula (Lobatón), Yotún (Chiroque), Balbín (Ballón), Cruzado e Vargas; Guerrero. Técnico: Sergio Markarian.
Uruguai – Muslera; Maxi Pereira, Lugano, Coates e Cáceres; González, Gargano (Eguren), Arévalo e Alvaro Pereira; Suárez (Hernández) e Forlán. Técnico: Oscar Tabárez.

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Uruguai finalista da Copa América’2011

  1. Leonardo Carvalho disse:

    RP, a midia massacrou o Messi e o Neymar na Copa América, no entanto, qual jogador se destacou neste torneio ? ESte torneio esta abaixo da média baixa. Força deuses do futebol.

    • Bemlembrado, Lo. No mximo um ou outro goleiro e o Forln, do Uruguai, poucos se destacaramde verdade. Agora, deve dar Uruguai apesar de o Paraguai jogar pela empatar. Cruzes. Gracias, RP

      ________________________________

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s