Em Córdoba, a força jovem do Brasil

Sem Paulo Henrique Ganso, machucado na vitória de1 a0 sobre a Seleção de Gana, em Londres,  a Seleção Brasileira joga nesta quarta-feira, dia 14 de setembro, em Córdoba, contra a Seleção da Argentina pela antiga Copa Rocca, agora chamada de Superclássico da Américas, que terá revanche dia 28 de setembro, no Mangueirão, em Belém do Pará. Pelo regulamento da competição, só poderão ser escalados jogadores brasileiros e argentinos que atuam em seus países de origem, ficando de fora os que atuam na Europa e pelo restante do mundo.

O goleiro Fábio, do Cruzeiro, foi trocado por Victor, do Grêmio, depois de sofrer uma contusão atuando pelo campeão mineiro no Brasileirão’2011. Aconvocação de Mano Menezes foi feita ainda na Europa, logo depois do amistoso entre Brasil 1, Gana 0, disputado em Londres, que terminou com a vitória da Seleção Brasileira por1 a0,  os dois jogos com os argentinos nesta quarta-feira, dia 14 de setembro, e no dia 8 de setembro, no Pará.

Para estas duas partidas, por decisão da Confederação Sul-Americana, a lista está cheia de jovens craques e revelações do Campeonato Brasileiro de 2011, muitos chamados pela primeira vez para vestirem a camisa verde-amarela. São eles: o goleiro Rafael (do Santos); o zagueiro Rhodolfo (do São Paulo); os laterais Bruno Cortês (do Botafogo) e Mario Fernandes (do Grêmio); e os meio-campistas Oscar (do Inter), Casemiro e Cícero (do São Paulo), Renato Abreu (do Flamengo), Rômulo (do Vasco) e Paulinho (do Corinthians).

Foram listados ainda os goleiros Víctor (Grêmio) e Jefferson (Botafogo); os zagueiros Henrique (Palmeiras), Réver (Atlético Mineiro) e Dedé (Vasco); os laterais Danilo (Santos) e Kleber (Internacional); os meio campistas Ralf (Corinthians), Lucas (São Paulo) e Thiago Neves (Flamengo); e os atacantes Neymar (Santos), RonaldinhoGaúcho (Flamengo), Leandro Damião (Inter) e Fred (Fluminense).

Já a Argentina – que não terá seus grandes craques que atuam na Europa, em especial o atacante Leonel Messi, do Barcelona, – ficou também sem o meio-campo Véron. Líder do time argentino, Véron não vai enfrentar o Brasil nesta quarta-feira, às 21h50, no Estádio Mario Alberto Kempes, em Córdoba. O jogador foi cortado da delegação hermana pelo médico Daniel Martínez, por não ter se recuperado de um problema no joelho direito.

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s