Galo volta para zona de rebaixamento. Cruzes!!!

Não deu tempo nem para comemorar direito e nem curtir de verdade. Mal deixou a zona de rebaixamento depois da vitória sobre o Bahia (2 a0) na Arena do Jacaré e os atleticanos voltaram a ser zoados em BH, Minas e nacionalmente pelo retorno – que é naturalmente pode ser provisório, mas costuma agradar e ser definitivo-  para a turma da degola. Era o jogo dos desesperados, neste sábado, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia, contra o Atlético Goianiense e nas mídias de BH e Minas, nas apostas dos fanáticos, se considerava que o Galo Carijó voltava a ser forte e vingador e já se anunciava lugar na turma da Libertadores da América. Ledo engano, gente atleticana…

No duelo para fugir do rebaixamento, o Atlético jogou mal e perdeu para o Atlético dos goianos,  na noite deste sábado (dia 17), de 1 a0, no Serra Dourada, em Goiânia, pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado,  o time do técnico Cuca se manteve  com 24 pontos, mas voltou neste domingo, dia 18 de setembro, para a zona de rebaixamento,quando o mesmo Bahia venceu o Fluminense por 3 a0, em Salvador, e foi para 27 pontos, trocando de lugar com o Galo de Minas. O Atlético-GO subiu da 11ª para a 9ª posição, com 33 pontos. Agora, precisando somar pontos, o Galo terá pela frente o Flamengo, na próxima quarta-feira, em Sete Lagoas. Jáo Atlético goiano encara o Vasco, na próxima quinta-feira, em São Januário.

Para complicar sua situação, na noite difícil em Goiânia,  o time mineiro perdeu  três pontos e  ainda o atacante Neto Berola e o zagueiro Réver por contusão. E teve que queimar duas substituições em apenas 28 minutos de jogo. Já o time goiano buscou o gol da vitória no segundo tempo. A insistência foi recompensada aos 16 minutos. Vitor Júnior recebeu  Juninho driblou o goleiro mineiro e fez o gol da vitória. Foi1 a 0 em um belo gol, o segundo dele no Brasileirão. O Atlético buscou o gol de empate e teve duas boas oportunidades – aos 43 minutos, com Serginho, e aos 44, com Marquinhos Cambalhota. Mas fracassou e está novamente em situação de envergonhar sua torcida. Cruzes, Galo Carijó…

Eis a ficha técnica de mais um fracasso atleticano, o que vai se tornando rotina para os atleticanos de Minas, e que com a vitória do Bahia, o empurrou para a turma do rebaixamento:

Atlético-GO 1 x 0 Atlético

No Estádio Serra Dourada, em Goiânia, neste sábado, dia 17 de setembro

Atlético-GO – Márcio; Adriano, Leonardo, Anderson e Thiago Feltri (Ernandes); Agenor, Pituca, Bida (Joilson) e Vitor Júnior; Juninho e Anselmo (Paulo Henrique). Técnico: Hélio dos Anjos.

Atlético – Renan Ribeiro; Serginho, Réver (Werley), Leonardo Silva e Triguinho; Pierre, Fillipe Soutto, Bernard e Daniel Carvalho; Neto Berola (Richarlyson) e Guilherme (Marquinhos Cambalhota). Técnico: Cuca.
Gol – Vitor Júnior, aos 16 minutos do segundo tempo.
Juiz – Paulo César Oliveira (Fifa-SP).
Renda – R$ 82.340,00.
Público – 6.186 pagantes

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s