Brasil perde do México e enfrenta a Argentina

A Seleção brasileira perdeu uma invencibilidade de 10 jogos ao ser derrotada pelo México de 2 a 0, neste domingo, 3 de junho, em Dallas nos Estados Unidos. Agora, a Seleção Brasileira vai encerrar o giro pela Europa e América do Norte no sábado, dia 9 de junho, contra a Argentina depois de ter vencido a Dinamarca por 3 a 1, goleado os Estados Unidos em Washington por 4 a 1 e perder a invencibilidade contra os mexicanos nos EUA no Cowboys Stadium. 

Foi a vigésima-quarta partida da Seleção Brasileira de Mano Menezes, desde que ele assumiu no lugar de Dunga.  Nos 23 jogos anteriores, foram 15 vitórias cinco empates e três derrotas. A última derrota brasileira com Mano Menezes  foi contra a Alemanha, em agosto de 2011, há quase um ano, por 3 a 2.

Depois de brilhar diante de Dinamarca e Estados Unidos, com duas vitórias e sete gols contra dois, a Seleção Brasileira não resistiu ao México e foi derrotada por 2 a 0, neste domingo, em amistoso disputado sob a cobertura do fantástico Cowboys Stadium, na cidade americana de Dallas. A derrota do técnico Mano Menezes desagradou torcedores brasileiro e americanos, menos aos mexicanos, que foram maioria em Dallas e aos críticos que criticaram o esquema tático e as atuações dos principais jogadores como Neymar e Pato.

Próximo dos Jogos Olímpicos de Londres, o treinador aposta no último dos quatro amistosos desta série, contra a Argentina, para ganhar bem do time de Messi e companheiros, e elevar o moral da equipe antes da busca pela inédita medalha de ouro na Olimpíadas. O duelo contra os argentinos será disputado no próximo sábado, em New Jersey, novamente nos Estados Unidos, às 16 horas com grande torcida brasileira que vive nos EUA em Nova York e New Jersey.

Para o clássico contra os argentinos, Mano Menezes terá pelo menos uma preocupação a mais. O capitão Thiago Silva deixou o campo em Dallas mais cedo por sentir dores na coxa, e pode virar desfalque para o jogo de sábado. O zagueiro vinha tentando acumular uma boa sequência de jogos após se recuperar de uma lesão muscular no mês passado. Eis a ficha técnica da derrota brasileira contra os mexicanos em Dallas:

BRASIL 0 x 2 MÉXICO

No Cowboys Stadium, em Dallas (EUA).

BRASIL – Rafael; Danilo, Thiago Silva (Bruno Uvini), Juan e Marcelo; Sandro (Lucas), Rômulo e Oscar (Casemiro); Hulk (Wellington Nem), Leandro Damião (Pato) e Neymar. Técnico: Mano Menezes.

MÉXICO – Corona; Meza (Jimenez), Rodríguez, Moreno e Salcido; Zavala e Torres; Barrera (Andrade) e Guardado (Reyna); Giovani dos Santos (De Nigris) e Javier “Chicharito” Hernandes (Lugo). Técnico: José Manuel de la Torre.

GOLS de Giovani dos Santos, aos 21, e Chicharito (pênalti), aos 31 minutos do primeiro tempo.

Juiz: Silvio Petrescu , do Canadá

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s