Atlético dá goleada mas o Cruzeiro falha de novo

A goleada de 6 a 0 dada pelo Atlético, campeão mineiro, em cima do Figueirense de Santa Catarina foi sensacional e lavou a alma doa massa atleticana na tarde/noite de sábado, dia 6 de outubro, véspera das eleições municipais em todo Brasil para escolhas de prefeitos e vereadores. Foi espetacular a reação do Galo Carijó que não vencia a quatro jogos e estavam perdendo a fé e a esperança de seus fanáticos seguidores mas o Cruzeiro contra o Grêmio e o Botafogo com o Fluminense não fizeram sua parte e o Clube Atlético Mineiro segue em segundo lugar na classificação geral do Brasileirão’2012, seis pontos atrás do Tricolor Carioca. A derrota do Cruzeiro por 2 a 1 para o Grêmio, no Estádio Olímpico, tirou parte da alegria dos atleticanos por o time de Vanderlei Luxemburgo seguir perseguindo os atleticanos  e seguindo em terceiro lugar, na frente do Vasco que venceu e também está brigando pelo título brasileiro da temporada. O Cruzeiro começou vencendo mas permitiu a virada dos gaúchos.
 
Com a goelada espetacular dos atleticanos nos catarinenses, o Atlético chegou aos 56 pontos e, como o Fluminense também venceu nesse final de semana (1 a 0 sobre o Botafogo, no Estádio Engenhão), ficou seis pontos atrás do Tricolor Carioca, ocupando a vice-liderança da competição brasileira. O próximo adversário será o Internacional de Porto Alegre, na quarta-feira, dia 10 de outubro,  às 22h (de Brasília), no Estádio da Beira-Rio. Também na quarta-feira, 10 de outubro, só que às 19h30(de Brasília), o Figueirense, 19º colocado ( com 22 pontos) e sério candidato ao rebaixamento, recebe, no Estádio Orlando Scarpelli, o Atlético/GO.
 
Na atuação impressionante do Galo contra o Figueira, em Belo Horizonte, até os atleticanos ficaram deslumbrados com a a técnica e vontade de Ronaldinho Gaúcho. Jogando como nos velhos tempos da Seleção Brasileira, Ronaldinho Gaúcho foi o melhor em campo. Marcou três gols e ainda deu passes para outros dois. Os outros goleadores atleticanos foram Réver, Bernard e Carlos César. O Atlético não tomou conhecimento do Figueirense neste sábado, no Estádio Independência e fez 6 a 0 no time catarinense, em confronto da 28ª rodada do Campeonato Brasileiro, aplicando a maior goleada da atual edição da competição nacional.
 
O massacre começou aos onze minutos de jogo, quando Ronaldinho Gaúcho chutou de fora da área, colocando a bola no ângulo direito de Wilson. Durante a comemoração, o meia se emocionou bastante ao agradecer e relembrar a morte, na véspera, do padrasto dele no Rio Grande do Sul.  Doze minutos depois, em cobrança de córner o R49, o beque Réver subiu mais alto que a defesa adversária e fez 2 a 0. Diante de um adversário fraco, o Atlético manteve o ritmo e, aos 31 minutos, novamente  Ronaldinho Gaúcho fez mais um belo gol, em cobrança de falta, lembrando o gol marcado no ano passado diante do Santos, na Vila Belmiro, quando defendia o Flamengo (quando o Rubro-Negro carioca derrotou o Peixe por 5 a 4). E um minuto depois, mostrando total descontrole, Jackson fez falta na intermediária e, como já havia recebido o cartão amarelo, foi expulso facilitando ainda mais a goelada atleticana.
 
O Galo aproveitou por ter em campo um jogador  a mais e aumentou a pressão sobre o Figueira no segundo tempo. Aos 16 minutos, Jô mata no peito no meio da área e foi derrubado por Sandro dentro da área. Pênalti que, com categoria, Ronaldinho Gaúcho bateu, decretando o 4 a 0 inacreditável. Já a os 22 minutos do segundo tempo, em mais uma bela jogada de R49, o pequeno Bernard apareceu na cara do goleiro Wilson e aumentou a festa da goleada mineira no Estádio  Independência. Atlético 5, Figueirense 0. Quando tudo mostrava que o Atlético ia parar no 5 a 0, Carlos César aplicou um chapéu em Hélder e mandou para as redes de Figueira. Atlético 6, Figueira 0.Eis a ficha técnica da grande goleada do campeão mineiro no Figueirense:
ATLÉTICO 6 X 0 FIGUERENSE
 
Pelo  Campeonato Brasileiro de 2012. No Estádio Independência, em  Belo Horizonte
No dia 06/12/2012, às 18h30 (de Brasília)
 
Juiz Guilherme Ceretta de Lima (SP)
Bandeirinhas Bruno Salgado Rizo e Daniel Paulo Zioli
Renda/Público: R$ 521.201,00/16.952 pagantes.
Cartão vermelho: Jackson do Figueirense aos 32 minutos do primeiro tempo
Gols: Ronaldinho Gaúcho, 12’/1ºT(1-0), Réver, 23’/1ºT (2-0), Ronaldinho Gaúcho, 30’/1ºT(3-0), Ronaldinho Gaúcho, 17’/2ºT(4-0), Bernard, 27’/2ºT(5-0) e Carlos César, 36’/2ºT (6-0).

ATLÉTICO: Victor; Marcos Rocha (Carlos César), Réver (Richarlyson), Rafael Marques e Junior Cesar; Serginho (Danilinho), Fillipe Soutto, Guilherme, Ronaldinho Gaúcho e Bernard; Jô.Técnico: Cuca.

 
FIGUEIRENSE: Wilson, Elsinho, João Paulo, Sandro, Helder, Jackson, Tulio (Coutinho), Claudinei, Guilherme Lazaroni (Júlio César), Almir (Botti) e Aloisio.Técnico: Márcio Goiano.
Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Atlético dá goleada mas o Cruzeiro falha de novo

  1. Alex disse:

    É Perez,
    O Galo ainda está na briga. As profecias de fim do mundo só acabarão em 2012, quando o calendario maia termina e começa uma nova era. Tomara que os maias estejam certos(nova era) e que o Galo 2012 provoque uma revolução no clube e que esse tabu de 41 anos termine logo.

    Que os Deuses do Futebol tenham dó do Galo e que esse seja o ano do recomeço alvinegro.

    Abs,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s