Título fica mais difícil, mas não impossível para Galo

A vitória era sonhada e prevista pela torcida do Atlético que logou, mais uma vez, o Estádio Independência para o novo clássico entre mineiros e cariocas, no Estádio Independência, no último dia de outubro, fechando a trigésima terceira rodada do Brasileirão’2012.Mas novamente o juiz e seus quatro auxiliares decidiram interferir no resultado e o empate de 1 a 1 favoreceu ao rubro-negro carioca e, mais ainda, ao Fluminense, que lidera a competição e agora é o virtual campeão da temporada. Só que faltam cinco rodadas e as chances são maiores para o Tricolor Carioca mas o Atlético pode ainda ficar com o título nacional. Ficou mais difícil mas não é impossível para o campeão mineiro repetir o feito de 1971, quando venceu o Botafogo, em pleno Maracanã, e foi o primeiro campeão brasileiro oficialmente.
No Estádio Independência, em Belo Horizonte, o Atlético surgia como favorito até para o ex-craque Junior, agora comentarista de televisão, mas o resultado foi mascarado pelo juiz Sandro Meira Ricci, de Pernambuco, que deixou de dar um pênalti claro em Ronaldinho Gaúcho, quando o clássico ainda estava 0 a 0, e se tivesse sido marcado e convertido pelos atleticanos, o resultado poderia ser outro. Ronaldinho Gaúcho entrou na área dos cariocas e se preparava para fazer o gol quando foi derrubado pela zaga do Flamengo. O juiz ignorou a falta e a torcida atleticana protestou, também os jogadores e o técnico Cuca. Para Ronaldinho Gáucho, foi um absurdo o juiz pernambucano não ter marcado o pênalti e prejudicado claramente os mineiros.
Depois do pênalti não marcado e das reclamações atleticanos, o Flamengo fez 1 a 0 com um chute forte e de longe de Renato Abreu. O Mengão ainda  perdeu o goleiro Felipe, que se machucou e foi substituído por  Paulo Victor. E Wellington Silva foi expulso.  O Atlético perdeu muito de sua empolgação mas  mas com a entrada do centroavante Leonardo, no segundo tempo, perseguiu o gol e chegou ao empate aos 12 minutos.Bernard cruzou para o atacante fazer 1 a 1 de cabeça aos 12 minutos. O Atlético perseguiu o segundo gol sem sucesso e mandou duas bolas nas traves cariocas com Jô e Ronaldinho. O empate foi comemorado pelos jogadores e torcedores do Flamengo e também pela torcida do Fluminense, que tem oito pontos de vantagem sobre o Galo Carijó, segundo colocado.
Agora, o Galo vai enfrentar no domingo, dia 4 de novembro, o Coritiba, em Curitiba, às 19h30m, enquanto o Fluminense faz às 17 horas, no Morumbi, o clássico contra o São Paulo tentando aumentar suas possibilidades de ser campeão brasileiro pela quarta-feira. O Fluminense tem 72 pontos ganhos em 33 jogos, com 21 vitórias, nove empates e três derrotas. Marcou 55 gols e sua defesa deixou passar 25 gols, com saldo de 30 gols. O Atlético é vice líder com 64 pontos ganhos em 33 partidas, com 18 vitórias, 10 empates e cinco derrotas. Marcou 47 gols e levou 29 gols, com saldo de 26 gols. Forza, Atlético!!!
Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s